livro técnicas de pintura  
afrescoaquarelaencausticatemperaoleoacrilicoalquidicocaseinavitraliconesoutras

sumarioIntroduçãoHistóriaEvolução
ContemporâneosDesenhosPosesDicasMovimentosDiferençasSutilezasErrosOssosArticulaçõesMúsculosCabeçaOssosMúsculosFaceOssosMúsculosBocaNarizPálpebrasOlhosMastigaçãoOrelhaPescoçoTroncoEsqueletoMúsculosMembro superiorEsqueletoMúsculosBraçoMúsculosAntebraçoOssosMúsculosMãoOssosMúsculosCintura pélvicaOssosMembro inferiorOssosMúsculosCoxaMúsculosPernaOssosMúsculosPéOssosMúsculos

GlossárioBibliografiaColaboradoresVídeos


Músculos da perna

A perna possui músculos flexores e extensores. Se observarmos em vista anterior, é importante notar que o perfil interno, delimitado pela crista aparente da tíbia, apresenta um volume muscular maior. O perfil da região lateral é formado por músculos mais alongados e retilíneos, que foram codificados pelos artistas egípcios.
Quando observamos a perna em vista lateral, percebemos que o grupo muscular mais forte e volumoso, se situa na região posterior e que a sua forma vai se afinando em direção ao tornozelo.
Ainda em vista anterior, na região do tornozelo, encontramos dois retináculos, que exercem a função de manter os ligamentos firmemente unidos, junto à estrutura óssea e muscular. Na parte externa do tornozelo, encontramos dois retináculos, o fibular superior e inferior. Na parte interna, um retináculo dos flexores.
Em vista posterior, percebemos que o músculo gastrocnêmio, porção medial, desce mais baixo do que o lateral, e que estas duas porções (antes chamadas de gêmeos) se unem através do tendão calcâneo (de Aquiles) criando uma placa quase plana que se afina e se insere no calcanhar. Basta tocar sua própria perna e constatar que o maléolo lateral é mais inferior que o medial.

Músculos extensores da perna

Grupo anterior

Músculo TIBIAL ANTERIOR
É importante na representação artística, pois seu volume muscular é o mais visível na vista anterior da perna. Origina-se no côndilo lateral e superfície lateral da tíbia, na membrana interóssea e fáscia da perna. Seu corpo muscular apresenta sentido descendente em direção ao maléolo medial, passando sob o retináculo e se insere sobre o osso cuneiforme medial e na base do primeiro metatarso. Faz a dorsiflexão, adução e rotação medial do pé.

Músculo EXTENSOR LONGO DOS DEDOS
Músculo peniforme, apresenta sua parte superior encoberta pelo músculo tibial anterior, com origem sobre a margem anterior do corpo da fíbula, abaixo do côndilo lateral da tíbia e sobre a membrana interóssea e fáscia da perna. O seu corpo muscular desce acompanhando o do músculo extensor longo do hálux, e seu tendão se divide em quatro tendões na região do tornozelo, que vão se inserir nas falanges média e distal dos quatro dedos menores do pé.  Estende as falanges proximais dos quatro dedos menores do pé, faz a flexão dorsal, e executa a pronação do pé.

Músculos flexores da perna

Grupo posterior superficial

Músculo TRÍCEPS DA PERNA
É o grupo formado por três músculos da panturrilha, sendo dois superficiais: o músculo gastrocnêmio, com suas duas porções, o músculo plantar e um músculo profundo: o músculo sóleo.

Músculo GASTROCNÊMIO
Superficial, forma a maior parte da panturrilha. Conhecido também como músculos gêmeos, por apresentar dois corpos musculares, um interno (medial) e um externo (lateral). É o músculo mais visível e importante na região posterior da perna. A porção lateral se origina ao lado do côndilo lateral do fêmur, e a porção medial, no côndilo medial do fêmur. Os dois ventres musculares, medial e lateral, criam o aspecto convexo da barriga da perna que se une ao longo tendão calcâneo, inserindo-se sobre a tuberosidade do calcâneo. São extensores do pé, podendo, também, flexionar a perna. Quando em posição ereta, levanta o calcanhar do solo, levantando o corpo.

Músculo PLANTAR
É um pequeno músculo situado entre o gastrocnêmio e o sóleo. Origina-se do côndilo lateral do fêmur e seu corpo desce em linha diagonal em direção à face interna da perna, inserindo-se na superfície posterior do calcâneo, através do tendão calcâneo. Colabora na flexão plantar e do joelho.

Músculo SÓLEO
Músculo plano, situado mais profundamente, abaixo das porções do músculo gastrocnêmio, se origina da fíbula, no arco tendíneo entre os dois ossos da perna e sobre a linha do músculo sóleo, na região posterior e superior da tíbia. Seu corpo descreve o mesmo trajeto do músculo gastrocnêmio, inserindo-se através do tendão calcâneo. Estende o pé, mesmo se a perna já estiver flectida.

Músculos fibulares - região lateral da perna

Músculo FIBULAR CURTO
Origina-se na região inferior da superfície lateral da fíbula. Seu corpo muscular se dirige para trás deste osso e se insere em um tendão, que passa pela região posterior do maléolo lateral, sob o retináculo superior dos músculos fibulares, e vai se inserir sobre a tuberosidade da base do V metatarso. Realiza pronação (everte) e faz a extensão do pé.

Músculo FIBULAR LONGO
Tem origem acima do músculo precedente, sobre a metade superior da face lateral do corpo da fíbula, sobre a cabeça da fíbula e sobre a fáscia da perna. Seu corpo muscular desce ao longo da região lateral da fíbula e seu tendão terminal passa por detrás do maléolo lateral e vai em direção à planta do pé, onde assume uma linha diagonal para a frente até se inserir sobre o osso cuneiforme medial e sobre a base do 1o metatarso. Realiza pronação e estende o pé.


site do artista Atelier Prata - Tel 55 11 4035-2057 - Cel 55 11 9597-0275 - artista@sergioprata.com.br